Duas razões pelas quais Deus salvou você da morte

Share This:
Duas razões pelas quais Deus salvou você da morte
Duas razões pelas quais Deus salvou você da morte.

 

 

Makko Musagara

 

 

Caro leitor, nosso Pai Celestial sempre salva as pessoas da morte, mas muitos não conseguem entender por que ele poupou suas vidas.

Neste artigo, eu lhe dou duas razões pelas quais Deus salvou você da morte.

Cumprindo sua missão divina.

Deus deu a cada pessoa na terra uma missão divina, e é por causa dessa missão que cada pessoa é trazida a este mundo.

Existem algumas pessoas que Deus chamou para servir diretamente em seu Reino, por exemplo, os pregadores de sua palavra. E ali aqueles a quem ele chamou para servir indiretamente, como os líderes (Romanos 13:1), os profissionais de saúde e muitas outras profissões.

Quando uma pessoa parte deste mundo, Deus a recompensará de acordo com a missão divina que lhe foi confiada.

Deus não quer que você pereça.

Deus nosso Pai te ama e não quer que você pereça no inferno. Em vez disso, ele tem sido paciente com você e o salvou da morte, para que você conheça seu filho Jesus Cristo (veja 2 Pedro 3:9).

Arrependimento.

Deus salva a vida de muitas pessoas da morte para que conheçam Jesus Cristo e lhes dê tempo para se arrependerem de seus pecados.

Portanto, se Deus te salvou da morte, arrependa-se de seus pecados e mude sua velha maneira de pensar. Abandone seus caminhos pecaminosos, aceite e siga Jesus como o Messias para o perdão de seus pecados. E você receberá o dom do Espírito Santo (Atos 2:38).

 

Deus o salvou da morte para que você se arrependa de seus pecados e adquira a vida eterna por meio de Jesus Cristo.

 

Deus vai perdoar você.

Se você já foi milagrosamente salvo da morte, isto é o que nosso Pai Celestial está lhe dizendo agora:

 

Se você puder se humilhar, orar,

buscar minha face e se afastar de seus caminhos pecaminosos,

então eu ouvirei dos céus,

perdoarei seus pecados e te curarei

(veja 2 Crônicas 7:14).

 

 

 

 

 

 

O que o Senhor me disse sobre “e não nos conduzas em tentação”

Share This: